A Síndrome do Intestino Irritável é considerada uma inflamação ou desordem que acontece nas vilosidades atingindo o intestino delgado e o grosso. Esse problema tão comum entres os brasileiros exige um cuidado médico bastante individual.

Quer saber mais sobre a Síndrome do Intestino Irritável? Confira os tópicos para os detalhes:

Quais são os sintomas?

Mulher pensando

Tradicionalmente existe um caminho lógico de sintomas a ser seguido, já que esse é um problema que não surge sem qualquer manifestação do organismo.

Confira alguns dos sintomas que podem identificar a Síndrome do Intestino Irritável:

  •     Dores ou cólicas abdominais recorrentes;
  •     Grandes períodos de diarreia;
  •     Alta produção de gases;
  •     Inchaço na região do abdômen;
  •     Aumento nas evacuações ao dia;
  •     Fezes com aparência gelatinosa.

Dependendo se a sua alimentação for desbalanceada quanto aos nutrientes, esses sintomas podem sofrer uma piora significativa.

Quais podem ser as causas dessa irritação?

Homem estressado

Os motivos da Síndrome do Intestino Irritável podem ser diversos, e em alguns casos não há sequer uma causa específica. No entanto, é possível definir comportamentos comuns entre esses pacientes. 

Confira o que pode gerar essa síndrome:

  •     Hipersensibilidade da parte intestinal;
  •     Altos níveis de neurotransmissores no sangue ou no intestino grosso;
  •     Picos de ansiedade ou depressão;
  •     Momentos de estresse frequentes;
  •     Infecções no intestino.

Como é o tratamento da Síndrome do Intestino Irritável?

Médica atendendo paciente

Para iniciar um tratamento da Síndrome do Intestino Irritável, primeiro é necessário saber se o seu diagnóstico é realmente esse, já que os sintomas podem ser considerados semelhantes a outros problemas.

Sendo assim, procure um(a) médico(a) especializado para realizar um exame físico e visualização do intestino através da colonoscopia.

 Após a constatação da Síndrome do Intestino Irritável, o tratamento é realizado através de medicamentos, como os anti-inflamatórios, e mudança na alimentação para uma ingestão de nutrientes adequados, principalmente diminuindo o teor de gordura e aumentando as fibras.

É válido lembrar que a Síndrome do Intestino Irritável não possui cura, mas sim uma administração dos sintomas. Mesmo que por longos períodos ela não se manifeste, o retorno pode acontecer repentinamente.

 

Gostou deste conteúdo? Para mais dicas e informações, me acompanhe no Instagram @dracamilacoloproctologista.

Sobre o(a) autor(a): Dra. Camila Medeiros

Dra. Camilla Medeiros é médica coloproctologista em Natal/RN com especialização em Saúde Intestinal e Câncer de Cólon.

Artigos relacionados

Voltar para artigos